Diego Cavalieri fica orgulhoso por atuação do Flu, mesmo com resultado ruim

Diego Cavalieri elogiou a atuação do Fluminense diante do Grêmio, em Porto Alegre

O resultado negativo diante do Grêmio, neste domingo, 18, em Porto Alegre, foi um castigo que a equipe do Fluminense não merecia sofrer. Superior em boa parte do jogo, mesmo estando fora de casa e com um jogador a menos em boa do segundo tempo, por causa da expulsão do capitão Fred, o time de Cristóvão Borges mostrou que não será fácil sair derrotado neste Campeonato Brasileiro. A luta e a entrega do Flu renderam elogios do goleiro Diego Cavalieri.

– Viemos para cá com o objetivo de fazer uma boa apresentação e vencer. Mas o Grêmio independentemente de estar jogando em Porto Alegre ou no Rio é sempre um adversário complicado. Fico triste pelo placar, mas orgulhoso pelo que apresentamos. No primeiro tempo tivemos momentos não tão bons, mas no segundo, criamos muitas oportunidades. A equipe estava muito organizada. Tanto que depois, mesmo com placar adverso e com um jogador a menos, continuamos criando, agredindo o Grêmio. Não aceitamos a derrota em momento algum. Infelizmente não conseguimos o resultado que queríamos – avaliou o goleiro tricolor.

Por estar na lista de suplentes da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo, Diego Cavalieri, estaria, por determinação da Fifa, à disposição do técnico Luiz Felipe Scolari para representar o time nacional a partir desta segunda-feira, 19. Mas como a lista com os 23 nomes já foi divulgada pelo treinador e o goleiro não faz parte, ele tem a esperança de ser liberado pela CBF para defender o Fluminense nestes jogos que faltam pelo Brasileiro até a parada para o Mundial.

– Vamos ver o que pode ser feito. Sei que foi uma determinação imposta pela Fifa. O Fluminense vai recorrer de todas as maneiras para eu jogar. Mas é preciso ter a resposta da CBF para eu não ser prejudicado, nem o clube. Espero que possamos ter uma resposta positiva. Não vejo tanta necessidade de ficar fora dos jogos do Fluminense, já que não faço parte da lista dos 23 convocados para a Copa – ressaltou Cavalieri, que garantiu já ter superado a tristeza por ficar fora da relação de Scolari.

– Era um objetivo que eu tinha. Claro que fiquei triste, chateado nos dois primeiros dias. Mas quem foi tem muito mérito também. Eu sei que trabalhei, treinei forte, me cuidei e não deixei de fazer nada. Mas agora é ficar na torcida para quem foi chamado trazer o hexa, que é o que todo mundo deseja.

Ainda sem saber se poderá contar com o seu goleiro titular, o elenco do Fluminense se reapresenta na tarde desta segunda-feira, 19, nas Laranjeiras, já iniciando a preparação para o confronto diante do São Paulo, na próxima quarta-feira, no Maracanã, no jogo que será o último do Tricolor do estádio antes da paralisação para Copa do Mundo.

Comunicação Institucional FFC
Fotos: Nelson Perez/Divulgação FFC


Link da notícia original: Diego Cavalieri fica orgulhoso por atuação do Flu, mesmo com resultado ruim
[wp_ad_camp_1]