ATUAÇÕES: Matheus Alessandro decide e leva a maior nota no clássico


Botafogo e Fluminense fizeram um clássico movimentado no Nilton Santos, neste sábado. O Tricolor saiu com a vitória, de virada, por 2 a 1, gols dos jovens Marcos Júnior e Mateus Alessandro.  Marcos Vinícius diminuiu para o Alvinegro.  A maior nota do LANCE! foi para o garoto que marcou o gol da virada. Confira as avaliações:

BOTAFOGO

5,0
Gatito Fernández
No primeiro gol, foi surpreendido pelo chute forte de Marcos Júnior. No segundo, aceitou o gol de Matheus Alessandro no canto que estaava.

5,5
Arnaldo
Muita correria e pouca inteligência dentro de campo. No fim, irritou a torcida com cruzamentos improváveis pra área.

6,0
Joel Carli
Foi bem no duelo com Henrique Dourado, que quase não teve oportunidades. Ganhou a maioria das jogadas pelo alto.

5,5
Igor Rabello
Ficou perdido em alguns lances, principalmente nos cruzamentos perigosos de Gustavo Scarpa. Faltou atenção na marcação.

5,0
Victor Luís
Apagado, não participou da criação como em outros jogos. Não conseguiu explorar o corredor do improvisado Mateus Norton.

6,0
Rodrigo Lindoso
Fez um grande primeiro tempo, marcando e iniciando a saída de bola. No segundo, perdeu o fôlego e o controle do meio.

5,0
Matheus Fernandes
Arriscou um chute perigoso no início e só. De resto, perdeu bolas por displicência e errou passes na saída de bola.

6,0
Bruno Silva
É sempre boa opção pela direita, mas jogou muito menos do que pode. A torcida pegou no pé por algumas jogadas pouco prováveis.

7,0
Marcos Vinícius
Abriu o placar no primeiro minuto e depois fez o feijão com arroz. Errou quando tentou algo diferente e foi sacado por Jair. Criou pouco no meio.

6,5
Rodrigo Pimpão
Deixou Marcos Vinícius na boa pra abrir o placar e teve disposição pra marcar. Mesmo assim, ouviu vaias ao ser substituído no segundo tempo.

5,5
Brenner
Bem no primeiro tempo, apagado no segundo. Não conseguiu ganhar os confrontos com Renato Chaves e saiu de campo sem criar perigo.

4,5
Gilson
Entrou, fez faltas e deixou o corredor aberto para Matheus Alessandro marcar o gol da virada. Muito abaixo dos companheiros de equipe

5,5
Guilherme
Teve pouco espaço desde que entrou em campo, mas também não aproveitou com a bola no pé. É inconstante e às vezes fominha.

5,0
Vinícius Tanque
Não conseguiu finalizar, segurar a bola e muito menos incomodar a defesa do Fluminense. Teve poucos minutos em campo.

5,5
Jair Ventura
Grande primeiro tempo, com o time organizado e compacto. Deixou escapar uma vitória que seria importante pra ficar no G7.

FLUMINENSE

5,5
Diego Cavalieri
Nada pôde fazer no gol sofrido. Nos outros 89 minutos quase não foi exigido e mostrou segurança.

5,0
Mateus Norton
Fez o básico do básico na lateral. Não subiu e se preocupou em seguir Pimpão. No fim, virou volante e só preencheu espaços.

6,0
Renato Chaves
Vacilou feio no início, mas depois melhorou. Marcou forte e foi bem pelo alto. Ainda teve boa chance pra marcar, mas desperdiçou.

6,0
Henrique
Parece ainda fora de ritmo, mas não vacila. Orientou o time para se acalmar e conseguiu virada importante. Dá segurança como capitão.

6,0
Marlon
É boa opção pela esquerda. Sempre chega a frente e tem bom cruzamento. Melhorou muito na parte defensiva e pode crescer.

5,0
Richard
Não teve a mesma eficiência defensiva dos últimos jogos. Deixou espaços no meio no primeiro tempo e saiu lesionado no segundo.

5,5
Douglas
Se apresentou, buscou jogo, arriscou mas… estava pouco inspirado. Não fez muito, mas não comprometeu no meio de campo.

6,0
Sornoza
Vinha bem na partida, distribuindo passes e organizando o meio a partir da defesa. Mas parece ter cansado e foi substituído por Wendel.

7,5
Gustavo Scarpa
Chamou o jogo e serviu bem os companheiros como de costume. Deixou Dourado e Chaves na boa, além da assistência pro gol da virada.

7,0
Marcos Júnior
Mesmo faltando técnica, teve muita disposição pra ajudar a equipe. Marcou, correu e fez um belo gol de canhota que garantiu o empate.

5,5
Henrique Dourado
Se desentendeu com a bola na maioria das jogadas. Mas não faltou entrega e vontade. Não finalizou mas viu o time vencer de novo.

6,0
Wendel
Entrou com a disposição que não teve nos últimos jogos. Ainda pode ser titular na reta final do campeonato se mantiver o foco.

5,0
Wellington
Ainda não voltou ao ritmo ideal. Entrou, tentou dribles mas acertou pouco. Problema é físico, não técnico.

7,5
Matheus Alessandro
Primeiro gol como profissional num clássico, valendo muito para o clube. Desencantou no momento certo e teve sua noite no Nilton Santos.

6,5
Abel Braga
Primeiro tempo muito ruim. Com aquela bronca clássica no intervalo, conseguiu buscar a virada, fundamental pros planos do clube.

Link da notícia original: ATUAÇÕES: Matheus Alessandro decide e leva a maior nota no clássico