E agora? Flu chega ao ‘jogo do ano’ com grande dúvida em setor desfalcado


A vitória por 1 a 0 contra o Atlético-MG, no Estádio Nilton Santos, deixou o Fluminense em situação mais confortável no Brasileirão. Com 40 pontos somados, o Tricolor encaminhou sua permanência na elite brasileira em 2019, ​podendo redirecionar suas atenções e maior dedicação ao principal sonho do clube em 2018: a Copa Sul-Americana.

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​No entanto, enquanto os jogadores celebravam o importante triunfo diante do Galo, Marcelo Oliveira já “quebrava a cabeça” pensando no jogo da próxima quarta (24), quando o Tricolor Carioca encara o jogo mais importante de sua temporada, até aqui: o Nacional (URU), pelas quartas de final do torneio continental.

Como informa o ​UOL Esportes, a preocupação do comandante se dá com a lateral direita, posição que tem sofrido baixas constantes na temporada. Gilberto, titular da posição, está inativo há bastante tempo por conta de um edema ósseo. Léo, que vinha atuando com frequência, acusou dores musculares e não atuou no último final de semana, sendo substituído por Igor Julião.

Acontece que Julião não está inscrito na Sul-Americana e, desta forma, não está apto para atuar. Caso Léo não se recupere até quarta, Marcelo terá que improvisar um volante no setor: Norton, Jadson ou Dodi, sendo o último desta lista o mais provável a atuar. Norton não foi bem quando testado no setor, enquanto Jadson é visto como peça-chave no meio-campo. 

Link da notícia original: E agora? Flu chega ao ‘jogo do ano’ com grande dúvida em setor desfalcado