Lesão altera planos do Flu sobre possível venda de seu artilheiro


​A lesão no joelho direito de Pedro não foi das mais graves. Um estiramento nos ligamentos, constatado após exames de imagem, deverá deixar o atleta fora de combate por cerca de três semanas. Só que este tempo de ausência deverá alterar um pouco os planos traçados pelo ​Fluminense para o futuro do atleta.

Já segue a gente no Instagram? ​Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

O jogador, obviamente, não poderá disputar os amistosos da seleção brasileira contra El Salvador e Estados Unidos, nos próximos dias 7 e 11 de setembro – artilheiro do Brasileirão com 10 gols, ele foi uma das novidades da primeira lista do técnico Tite após a Copa do Mundo e debutaria com a camisa verde-amarela. E isso atrasa qualquer possibilidade de valorização de seus direitos no mercado internacional e, também, uma possível venda.

Em termos técnicos, o clube não tem interesse em se desfazer de seu principal ativo. Porém, mesmo sem haver um desespero por uma transação, ele é visto com um atleta-chave para amenizar um pouco os problemas financeiros do Tricolor, que é dono de 50% do atleta. A ideia era, ainda nesta janela, arrecadar no mínimo 10 milhões de euros (cerca de R$ 47,4 milhões) e, assim, ganhar um fôlego até o final da temporada. Seu faro de artilheiro, sem contar as assistências, chamou atenção de equipes como Porto, de Portugal, Bordeaux, da França, e Monterrey, do México. Nenhuma proposta foi considerada satisfatória, mas havia a convicção que a ida para a seleção poderia valorizá-lo ainda mais e turbinar os números. Agora, no entanto, este planejamento fica adiado. A princípio, o tratamento de Pedro será convencional, ou seja, o centroavante não precisará passar por cirurgia.

Link da notícia original: Lesão altera planos do Flu sobre possível venda de seu artilheiro