Se valesse rebaixamento…Flu assume posto de clube mais deficitário da Série A


​Mais de duas semanas após o prazo previsto em lei, o ​Fluminense divulgou o seu balanço financeiro referente ao ano de 2017. E, como já era de se esperar, os números não são nada animadores. Ao dar publicidade, automaticamente assumiu o indesejado posto de clube com o maior déficit entre todos os participantes da Série A do Campeonato Brasileiro.

>>> #Hexa90min – ​Concorra a uma camisa da Seleção Brasileira

O Tricolor fechou o ano passado com um negativo de R$ 67,8 milhões e, assim, “tirou” a lanterna desta lista do Internacional, que registrou um passivo de R$ 62,5 milhões. Além deles, Corinthians, Atlético-MG, Vasco, Sport, Paraná, Vitória e Bahia gastaram mais do que arrecadaram. Na comparação com os rivais cariocas, o Flu perde de longe. Enquanto o Vasco ficou deficitário em R$ 22,9 milhões, Botafogo e Flamengo apresentaram saldo positivo, respectivamente, de R$ 53,3 milhões e R$ 159 milhões.

A instituição ainda viu sua dívida saltar de R$ 434 milhões para R$ 468,9 milhões. Segundo o presidente Pedro Abad, isso se deve a uma revisão das contas de 2016, ainda de responsabilidade de Peter Siemsen. A ideia do clube para estancar a sangria, conforme o documento, passa por adequação dos custos, reestruturação das dívidas cíveis e trabalhistas e também por incremento de receitas – estas últimas caíram R$ 59 milhões em relação ao exercício anterior. Embora no início de 2018 o Fluminense já tenha feito uma verdadeira limpa no seu futebol com o objetivo de diminuir custos, o clube se vê diante de um resultado pior, na comparação com o último balancete, no que se refere a arrecadação com patrocínio e sócio-torcedor. Ou seja, há um caminho longo a ser percorrido.

Link da notícia original: Se valesse rebaixamento…Flu assume posto de clube mais deficitário da Série A

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *