Pressionado por tropeços anteriores, Flu tenta fugir da zebra contra o Salgueiro


​Depois de não conseguir a classificação para a semifinal da Taça Guanabara, o Fluminense volta a campo nesta quinta-feira para tentar evitar uma nova eliminação precoce. Às 19h15, no Nilton Santos, o time recebe o Salgueiro pela segunda fase da Copa do Brasil e precisa da vitória para avançar no torneio – o empate leva a disputa para os pênaltis.

Embora já tenha chegado à decisão da Copa do Brasil por três vezes, o Flu também guarda momentos para esquecer no torneio. O Tricolor carioca foi eliminado por times de menor expressão em quatro ocasiões diferentes: para o Linhares-ES (1994), Juventude (1999), Brasiliense (2002) e América-RN (2014). Por isso, o técnico Abel Braga pediu atenção a seus comandados.

É o jogo da vida deles. Com um agravante: a responsabilidade é toda nossa. Vamos encarar com a maior seriedade possível. É o tipo de confronto que pode ter surpresa. Empate leva para os pênaltis. E pênalti é loteria. O Salgueiro é um time rápido, estudamos muito o time deles. Copa é sempre perigoso”, afirmou o treinador, em entrevista ao site ​UOL Esporte.

Para a partida desta quinta, o Flu terá como novidades entre os relacionados o goleiro ​​Rodolfo e o lateral-direito Léo, apresentados pelo clube na última segunda-feira.

(Fotos: Lucas Merçon/Fluminense FC)

Link da notícia original: Pressionado por tropeços anteriores, Flu tenta fugir da zebra contra o Salgueiro